Mitsubishi ASX 2017: preço, consumo e itens de série

Produzido em Catalão, no estado de Goiás, o Mitsubishi ASX 2017 chega ao mercado em busca de novas conquistas, já que os últimos anos do crossover foram bastante positivos e animaram a montadora japonesa. Sobre as novidades, o modelo recebeu novas versões, mudanças visuais, mais itens tecnológicos e tração integral e parcial.

Sua categoria é uma das mais concorridas do mercado, já que o novo ASX enfrenta adversários como Hyundai Tucson, Fiat Freemont, Ford Ecosport, Renault Duster, Kia Sportage, Suzuki Grand Vitara, Ssang Young Actyon, entre outros modelos fortes e com um bom volume de vendas.

O Mitsubishi ASX 2017 está posicionado em uma categoria bastante disputada.
O Mitsubishi ASX 2017 está posicionado em uma categoria bastante disputada. (Foto: Divulgação)

Visual

Na parte visual, o novo ASX 2017 não passou por muitas mudanças e apresenta novidades apenas na dianteira, uma vez que o SUV ganhou um novo para-choque com detalhes cromados que invadem os faróis. O design do modelo japonês é bastante elogiado pelos consumidores, por isso a montadora resolveu não promover muitas alterações.

A dianteira do Mitsubishi ASX 2017 ganhou novo para-choque.
A dianteira do Mitsubishi ASX 2017 ganhou novo para-choque. (Foto: Divulgação)

Interior

Se na parte externa, o ASX 2017 não recebeu muitas novidades, o mesmo não pode ser dito do seu interior, já que a cabine passou por uma boa transformação e está muito mais sofisticada e tecnológica. O acabamento mistura tons de preto e prata e ainda oferece uma nova opção, o tom bege.

Os bancos dianteiros são de couro e contam com ajuste automático para o motorista e sistema de aquecimento. No caso dos bancos traseiros, eles podem ser rebatidos de maneira parcial ou total e ainda contam com apoios individuais para a cabeça. A parte central dispõem de abertura pass through (facilita o acesso a pequenos objetos colocados no porta-malas).

O painel de instrumentos do Mitsubishi ASX 2017 é dotado de computador de bordo com 12 funções, tela de LCD colorida com alto contraste, iluminação branca e aros prateados. O modelo ainda conta com seis ganchos para carga, três porta-mapas, nove luzes de cortesia, opção Sky View (com teto solar panorâmico) e sistema multimídia.

Por fim, o porta-malas possui piso rebaixado, que torna mais fácil o ato de retirar e colocar as bagagens. Abaixo do piso, ainda há um espaço (não fica visível), para que sejam alojados objetos de tamanho reduzido. No total, são 605 litros de capacidade de armazenamento.

Internamente, o Mitsubishi ASX 2017 está ainda mais tecnológicos e sofisticado.
Internamente, o Mitsubishi ASX 2017 está ainda mais tecnológicos e sofisticado. (Foto: Divulgação)

Itens de Série

Na lista de itens de série do Mitsubishi ASX 2017, vale destacar a presença de controle de estabilidade e tração, nove airbags, piloto automático e comandos de som no volante. Nas versões AWD, o número de equipamentos cresce, graças a inclusão de faróis de xênon com lavador e regulagem automática, sistema keyless com retrovisor externo retrátil (acionado de forma automática quando o veículo é fechado) e sensor de aproximação, sistema Start/Stop, acendimento automático dos faróis, sensor de chuva e sensor de estacionamento.

A lista de itens de série do Mitsubishi ASX 2017 é bastante recheada.
A lista de itens de série do Mitsubishi ASX 2017 é bastante recheada. (Foto: Divulgação)

Dimensões e Segurança

O novo ASX 2017 conta com 2,67 m de distância entre-eixos, coeficiente de arrasto bastante reduzido, são apenas 0,33 e peso total de 1.345 kg. O resultado disso é um carro muito mais econômico e espaçoso. Na parte de segurança, o utilitário recebeu o selo “Top Safety Pick Plus” e a classificação máxima de segurança do IIHS (Insurance Institute for Highway Safety), que é o maior instituto de segurança automotiva dos Estados Unidos.

O Mitsubishi ASX 2017 está mais espaçoso e leve, o que resulta em mais conforto e maior economia de combustível.
O Mitsubishi ASX 2017 está mais espaçoso e leve, o que resulta em mais conforto e maior economia de combustível. (Foto: Divulgação)

Motorização

O motor é o 2.0L de quatro cilindros e 16V (com comando variável MIVEC) capaz de gerar  160 cv de potência. O câmbio pode ser manual ou automático CVT, sendo que a transmissão automática conta com as famosas borboletas atrás do volante (Paddle Shift), sistema sequencial Sports Mode e a tecnologia INVECS III, função essa que analisa diariamente o modo de conduzir de cada motorista, fazendo assim com que as marchas se adaptem e as trocas sejam cada vez mais suaves.

Sobre a tração do  novo Mitsubishi ASX 2017, essa está disponível em três opções: LOCK, que proporciona uma maior firmeza e segurança em pisos com baixos níveis de aderência; 4WD, para uma condução mais esportiva e a 2WD, para o uso no dia a dia. Para selecionar o modo que deseja, o motorista só precisa pressionar um botão localizado no console central.

No caso das versões AWD, há a presença do controle de estabilidade e tração e também do assistente de partida em subidas, o Hill Start Assist.

O motor do Mitsubishi ASX 2017 é alvo de elogios por sua competência.
O motor do Mitsubishi ASX 2017 é alvo de elogios por sua competência. (Foto: Divulgação)

Consumo do Mitsubishi ASX 2017

  • Mitsubishi ASX 2.0 16V 4×2 M-5 – 8,7 km/l na cidade e 10,3 km/l na estrada
  • Mitsubishi ASX 2.0 16V 4×2 CVT – 9,4 km/l na cidade e 10,7 km/l na estrada
  • Mitsubishi ASX 2.0 16V 4×4 CVT – 9,5 km/l na cidade e 10,4 km/l na estrada

Veja mais lançamentos da Mitsubishi em nosso site!

Preços

  • Mitsubishi ASX 2017 AWD CVT (teto + xênon) – R$ 127.990,00
  • Mitsubishi ASX 2017 AWD CVT – R$ 119.990,00
  • Mitsubishi ASX 2017 4X2 CVT – R$ 104.990,00
  • Mitsubishi ASX 2017 4X2 MT – R$ 97.990,00

O novo Mitsubishi ASX 2017 já está disponível nas concessionárias da montadora japonesa e oferece três anos de garantia e a revisão com preço fixo.

Compartilhe

1 COMMENT

  1. beberrão tem q ter uma vaca que dê combustível, sério mesmo estes carros por serem “suvs” deveriam vir a diesel pois são mais pesados q um sedã ou hatch

DEIXE O SEU COMENTÁRIO