Volkswagen apresenta ID.3 para confrontar Tesla

A linha de carros elétricos da Volkswagen finalmente vai sair do papel com o começo da pré-venda do ID.3, seu primeiro lançamento.

O veículo foi apresentado com mais detalhes nessa semana e tem como objetivo encarar a Tesla e ameaçar o reinado da empresa de Elon Musk no setor de carros elétricos no mundo inteiro.

O primeiro campo de batalha será a Europa, um dos continentes mais preparados para a chegada dos carros elétricos e onde a Tesla já tem um bom domínio no setor.

Confira mais informações a seguir!

O que a Volkswagen revelou do ID.3

A Linha ID, focada em carros elétricos da Volkswagen, tem tudo para ser um grande sucesso, mas, por enquanto, não passa de conceitos.

O primeiro carro a entrar em fase séria de produção é o ID.3, que deverá chegar às lojas e concessionárias no ano que vem.

A Volkswagen fez um pequeno evento de pré-venda do veículo, para anunciar alguns detalhes e o seu preço, embora muito do carro ainda seja um mistério.

Segundo a empresa, isso é intencional. Sendo a Volkswagen uma montadora alemã, eles querem revelar todos os detalhes sobre o veículo no Salão de Frankfurt, na Alemanha, em setembro desse ano.

Por enquanto, a empresa já revelou um detalhe interessante: o ID.3 custará menos de 30 mil euros (algo como R$ 133.500 em conversão direta pela cotação atual, sem adicionar impostos).

Se a montadora alemã realmente conseguir esse preço, sairá na frente numa luta contra a Tesla e a BMW.

Isso porque os principais carros das duas empresas, o Model 3 e o BMW i3 respectivamente, custam mais caro do que 30 mil euros.

O Model 3 começa em 35 mil euros (algo como R$ 155.700 na conversão direta) e o i3 começa em 40 mil euros (R$ 178 mil na conversão direta).

Por causa disso, o ID.3 poderia entrar como um elétrico poderoso e de luxo, mas com um preço mais acessível para o mercado europeu.

A pré-venda é para uma unidade especial do ID.3

Segundo a Volkswagen, a pré-venda iniciada nessa semana é para ume edição especial do carro, chamada ID.3 1ST (first, em inglês).

Essa edição está limitada a 30 mil unidades e será um pouco mais cara que a versão normal do carro, custando menos de 40 mil euros.

Em compensação, o veículo virá com alguns itens de série especiais, um desempenho maior que a versão básica e uma bateria de tamanho médio.

Os interessados em adquirir o veículo devem se registrar no site oficial do veículo e pagar um depósito no valor de 1.000 euros (algo como R$ 4.450 na cotação atual).

Os carros serão produzidos ainda em 2019 e entregues em 2020.

O que sabemos da configuração do ID.3?

Por enquanto, não se sabe muito sobre o ID.3 ainda. O que sabemos é que o veículo terá três opções de bateria, cada um com uma autonomia diferente.

A versão mais básica, de entrada, rodará até 330 quilômetros com uma carga. Já versões intermediárias (o 1ST entra nessa categoria) rodarão 420 quilômetros por carga. Por fim, a versão de luxo do carro rodará 550 quilômetros por carga na bateria.

Chega ao Brasil?

Por enquanto, não existem planos para trazer o ID.3 ao Brasil.

Inicialmente, a Volkswagen pretende levar o veículo para dois mercados: o Europeu e o Chinês, ambos com grande aceitação dos carros elétricos.

Na Europa, o ID.3 atacará precisamente os países com mais aceitação de carros elétricos: a Alemanha, Noruega, Holanda, França, Reino Unido e Áustria. Na Ásia, o foco principal é a China, outro país com grande aceitação de elétricos.

No Brasil, ainda não há data ou plano para o veículo chegar oficialmente, a não ser por importação pessoal dos interessados.

O que achou do elétrico ID.3? Comente abaixo!

Compartilhe

DEIXE O SEU COMENTÁRIO