Volkswagen Golf 2017 GTE chega ao mercado brasileiro em novembro

O stand da VW no Salão do Automóvel de São Paulo será certamente um dos mais badalados, já que a montadora alemã lança a dupla VW up! com reestilização de meia-vida e o Volkswagen Golf 2017 GTE elétrico. Ciente de que o hatch é um dos carros mais desejados do Brasil, a marca está ampliando a gama de opções, a fim de atender a todas as necessidades e gostos.

O novo Golf GTE é um carro plug-in híbrido, sua potência é gerada por meio de dois motores: um elétrico de 75 kW capaz de gerar 102 cv e um bloco a combustão 1.4L TSI BlueMotion Technology que fornece 150 cv. Trabalhando juntos, os propulsores geram 204 cv e torque máximo de 35,62 Kgfm (350 Nm). O hatch faz de 0 a 100 km/h em 7,6 segundos e a aceleração máxima chega aos 222 km/h.

O Volkswagen Golf 2017 GTE chega ao mercado brasileiro em novembro.
O Volkswagen Golf 2017 GTE chega ao mercado brasileiro em novembro.

Motorização

O motor elétrico é alimentado por meio de uma bateria de íons de lítio de alta voltagem com arrefecimento líquido. Sua recarga pode ser feita através de um soquete localizado logo atrás do logotipo da Volkswagen na grade frontal. Dos 1.524 kg que o Golf 2017 GTE pesa, cerca de 120 kg são da bateria, o que corresponde a 8% do peso total do hatch. O câmbio é automático DSG de seis velocidades com função Tiptronic (a tecnologia Tiptronic foi desenvolvida exclusivamente para os modelos híbridos).

Detalhe do motor do Volkswagen Golf 2017 GTE.
Detalhe do motor do Volkswagen Golf 2017 GTE. (Foto: Divulgação)

Consumo

Nos dados apurados pela norma NEDC, o Volkswagen Golf 2017 GTE faz cerca de 100 km a cada 1,5 litros de combustível, ou seja, algo próximo a 67 km/l. Usando apenas o bloco elétrico, o hatch possui autonomia de até 50 km. Em sua autonomia total, o modelo alemão pode andar até 939 km. Os números são de bom nível, se considerarmos a categoria de modelos elétricos.

Soquete por onde o Volkswagen Golf 2017 GTE é recarregado.
Soquete por onde o Volkswagen Golf 2017 GTE é recarregado. (Foto: Divulgação)

Bateria

Em uma tomada convencional, a bateria necessita de cerca de três horas e meia para alcançar sua carga completa, no entanto se a mesma for carregada em uma estação de recarga, esse tempo é reduzido para duas horas e meia. O novo Golf GTE elétrico conta com algumas opções de controle que permitem ao motorista fazer uso somente do motor elétrico, mesmo que seja para percorrer percursos mais longos.

Internamente, o Volkswagen Golf 2017 GTE manteve o seu bom acabamento, mas ganhou alguns itens de série.
Internamente, o Volkswagen Golf 2017 GTE manteve o seu bom acabamento, mas ganhou alguns itens de série. (Foto: Divulgação)

Conheça mais lançamentos da Volkswagen

Itens de Série

Na lista de itens de série do VW Golf GTE 2017 estão sistema de frenagem automática pós-colisão, bloqueio eletrônico de diferencial, controle de estabilidade e tração, sete airbags. lanternas e faróis de LED, entre outros equipamentos. A Volkswagen resolveu focar mais na motorização do carro, por isso promoveu apenas mudanças pontuais em seu modelo.

O visual do Volkswagen Golf 2017 GTE não sofreu grandes alterações.
O visual do Volkswagen Golf 2017 GTE não sofreu grandes alterações. (Foto: Divulgação)

Preço do Volkswagen Golf 2017 GTE

Exposto no 24º Simpósio Internacional de Engenharia Automotiva (SIMEA), o Volkswagen Golf 2017 GTE chamou a atenção de milhares de consumidores, o que já mostra o sucesso que o modelo pode alcançar no mercado brasileiro. O maior empecilho deve ser o preço, já que veículos elétricos costumam custar caro e acabam ficando longe da realidade do momento atual do Brasil.

Compartilhe

2 COMMENTS

DEIXE O SEU COMENTÁRIO